28 julho, 2018


Ter ainda bem presentes algumas das metamorfoses relatadas por Ovídio pode ser uma explicação para o facto de encarar com grande naturalidade o facto de entrar no Modelo e na prateleira onde ainda há dias retirei a Amiga Genial ver agora garrafas de vinho e cerveja. Seja ou não essa a explicação, trata-se, sem dúvida, de uma metamorfose comercial que em virtude do actual conteúdo da prateleira poderá ser vista como eloquente expressão da modernidade líquida.