04 janeiro, 2017

A MANHÃ AO NEGRO

Alfred Hitchcock | I Confess


Uma senhora passa por mim, deseja-me bom ano, diz 'obrigada' e segue caminho, sem me dar quaisquer hipóteses de reacção. É caso para dizer que conseguiu ser mais rápida do que a sombra, a qual, neste caso, não era como a de Lucky Luke. A sombra era eu.