18 dezembro, 2014

COPO MEIO VAZIO OU MEIO CHEIO?

Loredana Nemes | Assdov, 2009

Dizia o velho Montaigne, amargo, que a nossa maior derrota íntima é comparar o que somos com o que poderíamos ser. Sou obrigado a admitir que, apesar do céptico que sou e gosto de ser, tenho por vezes uns ataques de optimismo. Embora esteja habituado a concordar com o antigo presidente da câmara de Bordéus, acredito que isso seja uma grande vitória.