27 abril, 2013

MEIO CHEIO

Ed van der Elsken

Dizia o velho Montaigne que a nossa maior derrota íntima é compararmos o que somos com o que poderíamos ser. Eu, que apesar de céptico tenho de vez em quando uns laivos de optimismo, acredito, pelo contrário, que essa bem poderá ser a nossa maior vitória.