05 outubro, 2011

DIA 5 DE OUTUBRO, 101º ANIVERSÁRIO DA IMPLANTAÇÃO DA REPÚBLICA


                                                                    Robert Campin

De manhã, bem cedo, estive deitado a ouvir o Miserere do Arvo Pärt, cujos sons se misturavam com os dos passarinhos que cantavam lá fora. Não foi uma experiência religiosa ou mística. Apenas uma boa experiência. Tão boa, que voltei a adormecer.

8 comentários:

marteodora disse...

:)

José Ricardo Costa disse...

;)

Alice N. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
José Ricardo Costa disse...

:)O pior são os despojos do dia. Para agravar, os passarinhos já não se ouvem. Apenas se sente um sol brutal, sem consciência da sua tremenda falta de educação e inconveniência.

Isabel Pires disse...

Gostei muito da foto que escolheste para ilustrar o post.
Quanto ao resto, e depois de alguma "zanga" (;)) que transmitiste nos textos anteriores, foi agradável sabermos que tiveste esta boa experiência num início de feriado. Amanhã voltamos à faina!

José Ricardo Costa disse...

Um início de feriado, por inerência, será sempre melhor. Bom regresso.

m.a.g. disse...

Por falar em implantação, na terça feira fiz um implante dentário que me está a dar água pela barba (se a tivesse). Porque isto de implantar tem sempre efeitos colaterais.

José Ricardo Costa disse...

Pois é, m.a.g., imagino que se sinta uma sofredora jesuita :)