05 novembro, 2010

ROMANCE EPISTOLAR

V

Quem te ouvira
diria que sou
alheia ao mundo,
à circular ordem
em que se tecem
o nítido, o evidente,
a luz crua do dia.
Diria que apenas quero
esta capa virtual,
esta tela fria
entre dedos que não se tocam.
Diria, sem saber
que só o teu nome risca os céus,
traz-me o recado dos deuses
e a eles retorna.

1 comentário:

marteodora disse...

Uma maravilha esta leitura!