03 outubro, 2010

ISMOLOGIA


                                                                         Caravaggio

           (Clicar no texto para ler toda a entrevista)

10 comentários:

Margarida disse...

...o nazismo?!

José Ricardo Costa disse...

Tem toda a razão. Estou, de facto, a ficar velho mas ainda não estou assim tão velho. A frase, porém, não é minha. Pensei que a simples mudança de cor no texto, sugerisse o funcionamento deste texto como link. As minhas desculpas.

josé manuel chorão disse...

Tem toda a razão o cartoonista; o problema é de diferença cultural e de (in)tolerância em relação a essas diferenças; quem se arvora em senhor da verdade está à partida errado, o que inclui todos os fanáticos, religiosos ou de outra índole.
Vai estando na hora de mandarmos todos os 'ismos' para o raioqueopartismo...

jrd disse...

A Dinamarca é um país tolerante e solidário, como não conheço outro.
De todos esses 'ismos'; por lá apenas se experienciou o nazismo, enquanto por cá sómente se experienciou o fascismo.

Margarida disse...

...ah, bom..., já ponderava implorar a sua fórmula do elixir da eterna juventude...
;)
...tivera havido aspas e...

José Borges disse...

Foi uma óptima entrevista sim senhor. Tão boa como os cartoons e a coragem de quem não se deixa calar.

addiragram disse...

Já li! :)

Ega disse...

É excelente a última frase da sua citação.

Mas mais já no final da entrevista, refere que "O problema do islão é que se transformou numa ideologia política."
Ora, eu diria outra coisa: o islão sempre foi uma ideologia política. O corão não separa a religião da política. E aí reside um dos grande problemas desta religião. além disso, é uma ideologia guerreira. Maomé, ao contrário de cristo, era um homem de violência.E o próprio corão é um chamamento para a guerra. Foi o Islão e as ideias de Maomé que transformaram os árabes num povo militar e guerreiro. Aliás, essa inspiração (um soldado inspirado na batalha vale por dez desinpirados) foi a base das grandes conquistas árabes da idade média.

Zé o Caçador disse...

Obrigado

Margarida Fernandes disse...

Sou 100% contra o fanatismo por todos os motivos e mais algum.

O fanatismo bloqueia o pensamento, a maneira de agir, etc...

Abraço