09 agosto, 2010

ROUPAS PENADAS

Muito provavelmente, Lincoln estaria bastante divertido no momento em que vestia esta roupa, aquela que usava no momento em que foi assassinado no teatro Ford, em Washington. Assistia a uma comédia. Pensando no que diz Cebes, num texto de Platão sobre a imortalidade da alma (Fédon), dá vontade dizer que a roupa de Lincoln sobreviveu ao próprio Lincoln. Mas a roupa de Lincoln que sobreviveu à sua morte já não é Lincoln. E nada sabe do putativo divertimento do presidente americano.
Tivessem igualmente as almas as suas roupagens e haveria certamente por aí muitas roupas penadas em busca de uma alma onde finalmente pudessem repousar.

1 comentário:

jrd disse...

Também há "o Botas" que por aí anda que nem alma penada.

http://bonstemposhein.blogspot.com/2007/03/do-antigamente-de-agora.html