11 junho, 2010

RENASCIMENTO PERDIDO

Hoje, vou adormecer a pensar como António Ferreira:

"Fuja daqui o odioso, profano vulgo."

1 comentário:

jrd disse...

«Que não lhe cheg(ue)a medo ou sobressalto»
Boa noite.