15 dezembro, 2009

A CONDENAÇÃO


Na última edição do Jornal Torrejano vem o seguinte anúncio: "Jovem divorciado deseja conhecer senhora livre dos 35 aos 50 anos".
Conhecesse este jovem divorciado alguma coisa do existentencialismo e saberia que a senhora que ele tanto ambiciona não é só livre como está mesmo condenada a ser livre. Ou seja, mesmo depois de conhecê-lo a senhora irá continuar a ser livre.
Ainda bem que este jovem não conhece o existencialismo.

6 comentários:

jrd disse...

Condenada a ser livre no inferno que são os outros.

Anónimo disse...

Eu sinceramente preferiria uma senhora ocupada.

Gajas sem nada para fazer têm tendencia a pensar que são o centro do universo.

Vistas bem as coisas... os gajos tambem.

graça martins disse...

isto existe?????????

JMV disse...

E de facto assim é... de qualquer modo as senhoras quando não são Livres - casadas ou não - depressa se tornam desinteressantes e maçadoras.
Obrigado pelas palavras que deixou no meu beco.
um abraço

manufactura disse...

......até pode ser que seja bom para ambos...

hg disse...

Eu respondia, mas neste momento estou presa.
livra, ainda bem!