27 setembro, 2009

ORGULHO


Será que a ministra da educação irá hoje festejar ao lado do engenheiro a perda da maioria absoluta? Não deixaria de ser engraçado. É que terá sido ela a principal responsável para que tal acontecesse. E eu sinto-me orgulhoso por ter contribuído para essa patriótica e nobre missão.

7 comentários:

Austeriana disse...

Eu também estou aqui que nem me aguento de tanto orgulho!
Acresce que havendo tanta gente a migrar... Talvez fosse proveitoso a senhora mudar de ares... Ia fazer-lhe bem e aos portugueses também.

Alice N. disse...

Também sinto esse orgulho. Cheers!

Mafalda disse...

Valha-nos isso!

Margarida Graça disse...

O estado da Nação!

José Borges disse...

Creio que agora vai levar com a Isabel Alçada, a sua próxima patroa! Que lhe parece?

José Ricardo Costa disse...

Pelo menos é mais simpática. Mas não basta. Muita coisa deveria ser destruída. E isso ela não irá fazer. O processo está todo inquinado.
Mas só que não seja o ministro Luís Amado já não é mau. Haveria sempre o perigo de mandar queimar livros indesejáveis nas bibliotecas das escolas. Pelo menos, parecem ser um dos princípios morais pelos quais se orienta.

JR

José Borges disse...

Creio que Portugal tinha afirmado como contrapartida sermos apoiados pelo Egitpo para garantirmos um lugar como membro não permanente do Conselho de Segurança para o duénio 2010-2011.