23 setembro, 2009

DICOTOMIA

Aula de 12ºano. Pré-universitária, portanto. Começo por explicar a dicotomia inato/adquirido. Não posso. Tenho que começar por explicar o que é uma dicotomia.

2 comentários:

draaninhas disse...

Não é de admirar, quando numa turma do 8º ano de uma escola do Concelho, uma das alunas disse que não podia ler uma frase, porque simplesmente não sabia ler, nem escrever. Fiquei atónita com a situação e desejei profundamente voltar uns anos atrás e ter um ensino rigoroso, mas eficaz. Agora promove-se o facilitismo e a ignorância, ninguém quer saber de acentuação, de pontuação, de nada.

Margarida Graça disse...

Surpresa e perplexa ainda estou eu, com uma turma do 12º ano! Como é possível chegar-se ao 12º ano e não se ter os requisitos (cognitivos, linguísticos e atitudinais), para se frequentar um 9º ano? Algo de muito anormal se está a passar na sociedade portuguesa, para isto acontecer e, pelo andar da carruagem, parece ser este o caminho, o da inclusão!

Que faz um aluno que não quer estudar e que não se sabe comportar, com 20, 21 e 22 anos na escola?! E se alguém puser em dúvida o que estou a dizer, convido a assistir às minhas aulas. Não espere é que eu acabe as frases todas e que eu desenvolva projectos porque, para tal, também é preciso interesse, respeito pelos materiais, o que não se vende.

Sem palavras!
E sobre a noção de respeito nem vale a pena falar!

A sorte é que ouvi dizer que quem tem este tipo de turmas receberá todos os títulos se chegar "sano e vivo" ao final do ano lectivo!