01 setembro, 2009

CUIDADO COM OS CHARLATÕES



Vi, há pouco, a entrevista do engenheiro na televisão. Prevaleceu, claro, a sua versão soft: simpático, meiguinho, compreensivo, amiguinho dos professores.
Hitler, antes de invadir a URSS para a destruir, um dos seus grandes objectivos, fez um pacto com os soviéticos. Também tive um professor na escola primária que, antes de nos torturar com a régua, a usava para acariciar a nossa mão, enquanto sorria para nós com aquele beato ar de franciscano de coração apaziguado pelo dócil bater de asas do Espírito Santo.

3 comentários:

nefertiti disse...

Eu também vi... e não "soube" a nada. Só a última "pergunta gira" é que me afligiu! O engenheiro Sócrates é sexy?!

Austeriana disse...

A versão "soft" não apaga a do "animal feroz". Aliás, ela salienta o menosprezo que este senhor tem pela inteligência dos eleitores e confirma a "filosofia de vida" da mandatária socialista para a Juventude: detesta perder e não se importa de fazer batota.
A "pergunta gira" voltou a recordar-me a miúda alérgica a caroços.

addiragram disse...

É preciso sabermos ler sempre as duas faces...