17 agosto, 2009

GUERRA E PAZ - XLVII


"Não interessa que fulano tenha roubado dinheiros públicos ou da coroa e que 0 Estado e 0 czar ainda por cima lhe prestem honras, 0 que interessa e que ela me sorriu ontem e pediu que a visitasse, e que a amo, e que jamais alguem o saberá», pensava ele. Vol 3, PArte 1, cap. 19

Tolstói, nesta passagem, dá-nos o pensamento de Pierre depois de ter visto Natacha, por quem está apaixonado. A ideia, no fundo, é muito simples. Na disputa entre a política e amor, dificilmente haverá empates. O amor ganha sempre.

Sem comentários: