24 maio, 2009

MORTON FELDMAN - ROTHKO CHAPEL

Estar, num domingo à tarde, sentado em frente a um computador a trabalhar, não é certamente o sonho de qualquer ser humano sensível. Mas, fazê-lo, acompanhado desta música



ajuda certamente a passar uma tarde melhor. Eu sei que, para um melómano, a ideia de alguém poder usar a música como um conjunto de sons para ajudar a passar o tempo, descontrair ou criar ambientes, é absolutamente chocante. Mas se também parece que as vacas dão mais leite quando ouvem música clássica e os doentes nos hospitais se sentem mais calmos, também não vejo mal nenhum no facto de a usar para ajudar a suportar os melefícios do trabalho.
E, já agora, quando os gigantes da música compunham para fogos de artifício, festas, casamentos, funerais, celebrações, estavam a fazer o quê da música?

2 comentários:

José Borges disse...

Olhe, eu também aqui estou em frente ao computador a fazer um trabalho sobre a Interpretação das normas fiscais enquanto escuto Jordi Savall...

José Ricardo Costa disse...

Interpretação das normas fiscais?Que Deus o proteja...

JR