20 novembro, 2008

POVO INFELIZ

Henri Cartier Bresson

Percebe-se assim a razão pela qual os portugueses que fogem da pátria, mais cedo ou mais tarde, sentem a necessidade de cá voltar. É que se é verdade que não se deve voltar a um sítio onde se foi feliz, voltar àquele onde se foi infeliz não representa qualquer perigo.

Sem comentários: