21 outubro, 2008

PLATÃO NA A23

Platão, no Górgias, obra de transição entre os escritos de juventude e os de maturidade, critica políticos como Temístocles, Címon e Péricles, porque, e passo a citar(518e-519a) :
"regalaram os atenienses servindo-lhes tudo o que desejavam; diz-se que engrandeceram Atenas, mas não se vê que essa grandeza é apenas um inchaço malsão".

E continua: "Os nossos grandes homens de antigamente, sem se preocuparem com a sabedoria e a justiça, encheram a cidade de portos, arsenais, muralhas, tribunais e outras ninharias".

O que Platão está aqui a criticar é aquilo a que hoje chamaríamos de "política do betão", sobretudo criticada pelos partidos de esquerda.

Ora bem, eu entendo perfeitamente o ponto de vista do filósofo. Mas vou ser sincero. Prefiro políticos que façam obras como a A23, que me permite ir de Torres Novas à Covilhã em hora e meia, do que políticos que me queiram ensinar o que é ser um bom e virtuoso cidadão.

1 comentário:

Anónimo disse...

Desviância? (Desviacionismo podia assustar...)
Não creio. Acho que tem razão.
Muita, até.

jl