27 setembro, 2008

EX-VOTOS

A Áustria, amanhã, em dia de eleições, vai ser o primeiro país europeu em que a idade para votar desce para os 16 anos. Não entendo, de todo, esta descida. Faria muito mais sentido subir para os 25 anos. Em Portugal, por exemplo, poderia ser a partir da idade média em que os jovens deixam de ver os Morangos com Açúcar. 30 anos?

5 comentários:

estela disse...

:)

sim, aqui como começam com o coma alcoólico aos 12 já podem votar com 16...
a lei austríaca também diz que até aos 14 anos só se pode andar na rua sozinho até às 10 da noite, com 16 então até à meia-noite - e fora das cidades a polícia leva a casa os miúdos que apanha e zanga-se com os pais pela falta de responsabilidade!

mas isso de votar e ter ideia políticas provavelmente já não tem nada a ver com responsabilidade ;)

José Ricardo Costa disse...

Significa isto que se o acto eleitoral decorresse ao longo de 24horas, os garotos de 16 anos não teriam autorizaçao para votar depois da meia-noite... (eh, eh)

JR

estela disse...

:)

aqui quanto mais jovens, mais à direita votam (pelo menos é o que dizem as sondagens). Imagine então o que seria, em portugal, quando o pessoal, finalmente chegado aos 30 e um pouco farto dos morangos açucarados, se decidisse finalmente a ir votar ;)

José Ricardo Costa disse...

Pelo menos na Áustria, chegados aos 30, já podem começar a fazer uma viragem à esquerda. Já lá vai o tempo em que se era revolucionário aos 20 para ser depois social-democrata aos 40. Agora, deve passar a ser ao contrário.

Mudando de assunto. Se a Áustria andar perto do retrato que dela faz o Thomas Bernhardt, deve ser de fugir...

JR

estela disse...

é de fugir mesmo!

se eu pudesse!